Por que contratar jovem aprendiz?

0
187

Ao contratar um jovem como aprendiz sua empresa estará contribuindo  de forma efetiva para uma sociedade melhor e ainda irá se  beneficiar de mão de obra com baixo custo.

É muito comum ouvirmos sobre a falta de mão de obra qualificada no mercado de trabalho, mas será que pensamos no que temos feito para que essa realidade seja diferente? Alguém deve qualificá-los, mas quem? O Estado? A empresa?

Sim, no Brasil há milhares de desempregados, dentre eles, muitos sem experiência, outros sem qualificação e outros que possuem experiência e qualificação e ainda assim não conseguem um trabalho.

Ao optar por desenvolver o Programa Jovem Aprendiz, sua empresa estará contribuindo para que essa realidade seja diferente.

Quais os benefícios para a empresa?

Através do Programa de Aprendizagem sua empresa poderá dar a oportunidade a jovens com idade entre 14 e 24 anos, na maioria das vezes seu 1º Emprego, além do trabalho irá oportunizar sua Formação Profissional, assim, você poderá qualificar a mão de obra de acordo com a sua cultura empresarial.

Pare pra pensar, como foi conseguir seu primeiro emprego ou estágio? Como foi essa experiência?

É importante refletirmos sobre essa fase da vida em que todos passamos, e valorizar os jovens que chegam muitas vezes imaturos e os quais temos a chance de contribuir para seu desenvolvimento profissional e pessoal.

Ao contratar um jovem como aprendiz você estará ajudando a desenvolver o protagonismo dos jovens, e preparando-o para o mercado de trabalho, mesmo que não exista vagas em sua empresa, ele poderá utilizar os conhecimentos adquiridos, através do desenvolvimento sua capacidade de percepção, seu senso de responsabilidade, ética, trabalho em equipe, e muitas outras características, em outros locais de trabalho.

Além disso, não podemos deixar de citar a melhoria nas condições socioeconômicas dos jovens e seus familiares, que poderá ter um aumento na renda familiar propiciando sua inclusão em áreas que antes eram inacessíveis, há uma mudança de realidade de toda família. Pois ao se qualificar e estar melhor preparado, o jovem levará esse conhecimento para dentro de casa. Por exemplo: se o jovem vivencia a importância do trabalho em equipe, de cada um fazer sua parte, com certeza ele poderá aplicar em casa, sendo mais participativo e incluindo todos os membros da família em afazeres do dia a dia.

Não há dúvidas quanto aos benefícios para sua empresa e especialmente para a inclusão social dos jovens.

Quais são as obrigações legais?

Nesse sentido, é importante destacar que a contratação do aprendiz segue a Lei da Aprendizagem (Lei n. 10.097/2000), então para que as empresas contratem aprendizes é necessário que, primeiramente, sigam alguns requisitos legais.

 Dentre eles está a exigência de que a empresa tenha pelo menos sete empregados. Além disso, a lei prevê o Contrato de Aprendizagem, documento no qual serão estabelecidas as obrigações da empresa, quais sejam: a assinatura da Carteira de Trabalho (CTPS); a garantia ao jovem de uma formação técnico-profissional metódica, compatível com o seu desenvolvimento físico, moral e psicológico; contrato de aprendizagem com duração máxima de dois anos, entre outras garantias. 

Assim, após verificar se a empresa possui as condições necessárias para a contratação do aprendiz, o empregador deverá procurar a entidade formadora qualificada mais próxima, no caso de Piumhi/MG é a Avamep, e verificar as datas previstas para a contratação do jovem, uma vez que a seleção não poderá ocorrer a qualquer momento, sendo necessário que o aprendiz inicie seu contrato juntamente com aprendizes de outras empresas, isso se deve ao fato de que eles precisam seguir o mesmo Curso de Aprendizagem.  

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here